Terceiro Olho: o que é, quais são seus poderes e como abrir?

terceiro-olho

Aprenda mais sobre o terceiro olho, suas propriedades e a sua importância para a nossa relação com o mundo físico e com o plano espiritual.

O terceiro olho está localizado bem no centro do nosso cérebro. Esse importante componente de nosso corpo é conhecido por muitas culturas como o  centro da intuição e da previsão, além de ter muita relação com o plano espiritual e com a clarividência. 

Nem todo mundo sabe, porém, quais são origens e os poderes do terceiro olho, que são amplos e estão intimamente ligados ao sexto e ao sétimo chakras do nosso corpo, bem como os benefícios trazidos por sua ativação e estimulação. 

Para conferir todas as características e propriedades do terceiro olho, saber como ativar ele, e descobrir se abrir o terceiro olho é perigoso ou não, é só continuar lendo o nosso artigo. 

O que é o terceiro olho?

Fisicamente o terceiro olho corresponde à glândula pineal, que recebeu esse nome devido ao seu formato semelhante a um olho. Ela foi inicialmente descrita pelo médico grego Galen de Pergamum e muito discutida pelo filósofo René Descartes no século 17.

Hoje sabe-se que essa glândula se localiza no centro do cérebro e sua função dentro do organismo é controlar o ritmo do corpo, como um relógio biológico, e regular o sono, tudo isso a partir da produção do hormônio melatonina. 

Apesar dessas importantes funções biológicas, a importância do terceiro olho não para por aí. O terceiro olho possui poderes especiais, sendo responsável pela nossa intuição, sexto sentido e clarividência, estando extremamente ligado ao sexto chakra, conhecido como Ajna.

Os poderes do terceiro olho

poderes-do-terceiro-olho

Dentro do campo espiritual, a glândula pineal tem um funcionamento parecido ao de um radar: ela capta as informações do ambiente físico e espiritual e trabalha em conjunto com as demais áreas do cérebro para interpretá-las. É devida a essa poder de interpretação que o terceiro olho é considerado como uma importante fonte de capacidade intuitiva e de percepção.

Justamente por isso, indivíduos mediúnicos e clarividentes possuem terceiro olho amplamente desenvolvido, sendo muito mais sensíveis às variações de energia que eventualmente acontecem. Essa importante estrutura também está estreitamente ligada ao funcionamento de dois dos mais importantes centros de energia do corpo humano: os chakras ajna, localizado entre nossas sobrancelhas, e o sahasrara (coronário), localizado no topo da cabeça.


Os chakras são centros de absorção, exteriorização e administração de energias, sendo muito importantes para o nosso bem estar e harmonia. Eles são sete, ao total, sendo que cada um deles possui uma função diferente. Os chakras ajna e sahasrara têm  como função principal captar e transmitir energias vitais e costumam revelar informações espirituais, além de possuírem enorme influência em nossas ações e escolhas importantes. 


Assim como o terceiro olho, o ajna é responsável pela clarividência e mediunidade, além de forte componente relacionado à criatividade. Enquanto isso, o sahasrara trabalha com o reabastecimento das energias cósmicas e forças espirituais, possuindo uma ação complementar aos demais chakras do nosso corpo.


Através destes chakras, o terceiro olha age como um conector do plano físico ao plano espiritual, sendo considerado por muitas culturas o representante de Deus ou do ser superior dentro de cada ser humano e possuindo enorme influências nas nossas expressões, sejam elas artísticas ou intelectuais. 


Vale lembrar que manter os chakras sempre alinhados é extremamente importante para permitir um fluxo aberto de energias no corpo, mente e espírito. Essa tarefa pode ser simplificada a partir da utilização de facilitadores, como as pedras e cristais.

Confira o Kit Chakras com as principais pedras e cristais para acordar o terceiro olho.

Por que e como abrir o terceiro olho?

Quanto mais trabalhamos a nosso glândula pineal, ou terceiro olho, melhor a nossa relação com o mundo interior e exterior, bem como com o mundo espiritual. A verdade é que muitas pessoas já nascem com essa glândula mais desenvolvida, enquanto outras necessitam de um trabalho mais intensivo para despertá-la, mas o fato é que ativar o terceiro olho pode ser extremamente benéfico para quem quer que seja. Exatamente por isso, preparamos algumas dicas para abrir o seu terceiro olho e utilizar seus poderes, confira:

Aprenda a ficar em silêncio 

As mensagens enviadas pelo terceiro olho são sutis e quase silenciosas, assim, para ser capaz de recebê-las da maneira mais clara possível, é necessário ser capaz de acalmar e silenciar a mente. Pense nessas mensagens como um sussurro: é impossível ouvi-lo em um ambiente muito barulhento, não é mesmo?

Um ótimo exercício a ser feito é buscar sentar-se em um lugar tranquilo, preferencialmente junto à natureza, ou tentar se concentrar em uma atividade que te agrade muito, como a meditação ou algum esporte individual. Isso ajuda a acalmar a mente e permite que você ouça o que o seu terceiro olho tem a “dizer”.

Desenvolva a sua criatividade

Por ter uma relação próxima ao ajna, o sexto chakra, o terceiro olho tem um importante componente de criatividade. Assim, procurar investir em algum tipo de arte ou criação pode ser uma forma de despertá-lo, especialmente se essa atividade permitir sua inspiração correr livremente, sem amarras ou limitações.

Esse processo de estímulo à criatividade é uma forma de momentaneamente deixar de lado o nosso lado racional, que muitas vezes tende a interferir na nossa intuição e nos limitar. Explorar além dele nos permite ultrapassar limites impostos por nós mesmos e ampliar a visão do todo.

Atente-se para a realidade

Diferentemente do que muitos pensam, despertar o terceiro olho não significa se desligar da realidade e “viver nas nuvens”, muito pelo contrário. Apesar da importância do desprendimento para esse processo, é essencial que vejamos a realidade como ela é. Isso inclui eliminar gradativamente nossas expectativas, preconceitos e ilusões, muitas vezes criados por nós mesmos para mascarar uma realidade que não queremos aceitar.

É somente vendo as coisas como elas são que podemos interpretar melhor tudo que acontece à nossa volta e elevar a nossa percepção do mundo e do plano espiritual, bem como nossa clarividência.

Esse exercício de desprendimento deve ser praticado diariamente, pois esse processo pode ser difícil e até mesmo incômodo. Por isso, não desista na primeira tentativa, se dê uma chance.

Para auxiliar esse processo de auto percepção e de desenvolvimento pessoal, a Água Marinha é uma pedra que pode ser muito útil. Sendo utilizada na forma de adornos ou na forma bruta, esse cristal tem propriedades calmantes, proporcionando clareza à mente, alinhando os chakras, ampliando a intuição e ativando a clarividência. 

Ter um acessório, como esse belo pingente de Água Marinha, é uma boa forma de alinhar os chakras e ampliar sua intuição.

Busque aprimorar a sua intuição

Muitas vezes o nosso terceiro olho se comunica a partir de mensagens indiretas, presentes em sonhos e em devaneios, ou até mesmo em fortes sensações repentinas. Além disso, por ser ele o centro do nosso conhecimento, visão e sabedoria, dar uma chance ao tarot ou horóscopo pode ser interessante, umas vez que mensagens importantes podem ser percebidas nesses instrumentos. 

O importante é procurar encontrar  formas de alimentar a sua intuição que representem algo para você. Isso irá aumentar sua percepção do consciente e inconsciente e fortalecerá exponencialmente a sua ligação com o seu terceiro olho. A Amazonita, por exemplo, é um cristal que funciona como um amuleto para atrair coisas boas ao seu portador, fortalecer a criatividade e, principalmente, aumentar a intuição. 

Utilizar itens produzidos a partir da pedra Amazonita, como esse lindo pingente, é outra forma de potencializar o processo de expansão da sua capacidade intuitiva.

Abrir o terceiro olho é perigoso?

Muitas pessoas perguntam se abrir o terceiro olho é perigoso. Isso está relacionado principalmente a ideia de uma intuição mais aguçada e uma possível hipersensibilidade para o plano espiritual. Alguns afirmam que a ativação do terceiro olho pode ter efeitos sobre o sono também.

Contudo, entender os poderes do terceiro olho e aprender como abrir corretamente pode ser uma conquista interessante para quem deseja equilibrar melhor o racional e o intuitivo. O terceiro olho é um importante componente de nosso corpo. Ativar o terceiro olho pode te ajudar a escutar e a compreender mais claramente as mensagens trazidas pelo plano espiritual.

E se você está em busca de formas de harmonizar o seu interior e o ambiente que você vive, não deixe de conferir os produtos e acessórios em cristal da Zurc, que contam com as propriedades e benefícios específicos de cada uma das pedras e podem te ajudar nessa jornada de autoconhecimento e procura por uma melhor qualidade de vida. 

NEWSLETTER

Se inscreva em nossa
newsletter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *